Engenharia Diagnóstica: Saiba quais problemas podem ser evitados na construção civil

Engenharia Diagnóstica: Saiba quais problemas podem ser evitados na construção civil


Rachaduras, infiltrações e, até mesmo, incêndios. Estes são alguns dos problemas que podem ser prevenidos nos imóveis, sejam novos ou não, pelos engenheiros diagnósticos. De acordo com o Prof. Marco Antonio Gullo, engenheiro civil especializado em Engenharia Diagnóstica, boa parte desses erros são originários de falhas na elaboração da planta do projeto, “a exemplo dos espaços precários para estacionamento e manobra dos veículos nos estacionamentos e das dificuldades para as práticas de manutenção predial em razão dos acessos dificultosos e das avarias geradas pelas especificações de materiais inadequados aos usos destinados.”

Antes de iniciar a construção de uma obra, é fundamental verificar a qualidade dos materiais e o modo de aplicação dos mesmos. “O conhecimento técnico sobre os materiais de construção evita problemas como corrosão galvânica e degradação das armaduras no interior dos concretos”, ressalta o Prof. Renato Sahade, engenheiro civil e consultor patologista de revestimentos.

Diferente de outros especialistas da área, o engenheiro diagnóstico pensa mais no desempenho do que no custo geral de produção do imóvel. “O profissional volta a ser o fiscal da obra e não um mero espectador, sendo treinado para verificar a qualidade da mão de obra e dos materiais, sabendo antecipadamente onde ocorrerão os problemas”, garante o Prof. Renato Sahade.

No caso de inspecionar um prédio antigo, por exemplo, o perito deve avisar as construtoras sobre as anomalias construtivas presentes na edificação auditada, minimizando assim a reincidência em novos empreendimentos. “Além das interveniências positivas desse perito para melhoria dos projetos na construção civil, vale ressaltar os benefícios junto a sociedade, envolvendo a prestação de diversos serviços diagnósticos”, destaca o Prof. Marco Antonio Gullo.

Com essa dinâmica, o agente especializado também pode atuar na prevenção à degradação do patrimônio histórico e aos riscos de desabamento de pontes e viadutos, “assim como em apoio aos condomínios residenciais e comerciais, definindo responsabilidades para defeitos construtivos ou mediando conflitos de vizinhança”, finaliza o Prof. Marco Antonio Gullo.


Daniel Costa

Editor de Conteúdo

Educar, formar e preparar Profissionais dentro das normativas aplicáveis ao ensino superior.

Matriz
Rua Joaquim Nabuco - 2906 - Dionísio Torres - Fortaleza - CE
CEP: 60125-121
Contato: (85) 3215-6400 | (85) 9 8956-8856
E-mail: fortaleza@inbec.com.br
>> Nossas Unidades